O pau da barraca

Chutar o pau da barraca é fácil. Difícil é se equilibrar em meio às turbulências da vida. Equilíbrio pessoal é, por natureza, dinâmico. Temos que, constantemente, mantê-lo através do uso de sentimentos, ações, interações e forças balanceadoras. Há que se ponderar, sempre, há que se adaptar, nada é estático. Nossos desejos, nossos sentimentos e emoções mudam de peso, mudam de perspectiva – e o dos outros também.

Nunca vi ninguém se equilibrar na corda bamba sem ser flexível. Rigidez demais? Vai pro chão. Mas tudo bem; caiu, levanta e sacode a poeira, afinal a corda esticada é seu desafio diário, e você não vai ficar de vítima culpando a gravidade terrestre, não é? Estamos falando de como se entender com os próprios desequilíbrios.

Reatividade nunca ajuda. Movimentos bruscos tampouco, assim como falta de atenção. Equilíbrio não significa ficar estático, pelo contrário, é necessário manter certo fluxo constante de movimentos adequados. Aliás, o princípio de andar de bicicleta: vai cair para um lado, vira o guidão pro outro.

O princípio do equilíbrio pessoal, nas palavras de Jean Paul Sartre: “O mais importante não é  aquilo que fizeram conosco, mas sim o que nós mesmos iremos fazer com isso”. Tem a ver com contrabalancear as nossas demandas com as demandas alheias. Equilíbrio dinâmico.

Prenda a respiração e veja aí que exemplo fantástico de equilíbrio dinâmico:

 

Chutar o pau da barraca é fácil. Equilibrar-se é uma arte.

Gustavo Mokusen.

Anúncios

2 opiniões sobre “O pau da barraca”

  1. Linda a apresentação, Gustavo!! A impressão que eu tenho é que, todo o tempo, estamos equilibrando o equivalente em forças a milhares desses gravetos… e, ao contrário do homem na performance, não tivemos tempo de praticar nada, vamos sempre fazendo no improviso. Quem for melhor no improviso – no ajuste fino dinâmico entre força e delicadeza – vai se sair melhor na apresentação da vida.

    Curtir

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s