Estimulando a criatividade

estufa 3Um aluno de Coaching me pediu algumas dicas para estimular ideias novas e criativas que poderiam surgir durante a confecção de um projeto profissional que estava envolvido. Aproveito para compartilhar aqui parte de um roteiro geral que criamos. Muitas pessoas me perguntam se é possível desenvolver um trabalho de Coaching Pessoal na incubação e implementação de ideias. A resposta é: sim, é possível. Abaixo, uma breve descrição geral deste processo de trabalho.

A ESTUFA DE IDEIAS

Basicamente, criatividade tem a ver com não reprimir conteúdos novos, com abrir a consciência para o que pode vir a emergir nela, uma vez que o processo de criação não se trata de um processo controlado pela mente racional apenas. Assim, cuide bem das ideias novas que brotam espontaneamente em seus pensamentos, pois o pensamento é o fluxo superficial que indica o que ocorre em níveis profundos da mente e, por isso, a comunicação entre o consciente e o inconsciente. Esses insights podem trazer a semente de uma mudança necessária, um novo empreendimento, uma ação criativa ou uma transformação qualquer em sua vida.

Geralmente as ideias brotam espontaneamente na mente, intuitivamente, devido à comunicação silenciosa entre nossa consciência individual e a consciência coletiva. Assim, muitas vezes elas representam um impulso de vida que estamos precisando, mas para que elas se manifestem conscientemente é necessário remover os obstáculos que reprimem a intuição e a criatividade: ansiedade, medo, rigidez mental e autocrítica severa.

As ideias novas que emergem precisam receber atenção e trabalho posterior. Senão, não passarão para o plano concreto da ação e morrerão como sementes secas. estufa

COMO TRABALHAR NA INCUBAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO DE IDEIAS:

– Tenha sempre em mãos um bloquinho de papel e uma caneta. As ideias não têm hora para emergir, e quando isso acontece você tem que estar preparado para anotá-las, pois caso contrário… elas se perderão!

– Uma vez que tenha captado a ideia central, agora é hora de torná-la o mais claro possível. Tente organizá-la, dar uma forma a ela, procurando estabelecer seu propósito, os meios de realização e os insumos necessários para sua concretização.

– Se a ideia foi organizada, parabéns. Ela tem grandes chances de ser realizada, pois a confusão e a falta de clareza são os principais obstáculos para sua realização. Entretanto, agora é necessário amadurecer a proposta, e para isso você tem que dedicar tempo e energia a ela. Converse com pessoas, mantenha a ideia na cabeça, vá tomar banho pensando nela, enfim, mantenha sua mente com o foco na semente! Com tempo e energia, outros detalhes brotarão naturalmente e condições importantes serão atraídas para facilitar o caminho.

estufa 2– O próximo passo é criar um plano de ação. A ideia já está clara, organizada, amadurecida, discutida e sua viabilidade foi constatada. Mas agora é necessário estabelecer um cronograma de ações concretas para a realização: o quê, para quê, por quê, como e quando fazer – detalhe tudo em um quadro com ações e respectivas datas para a realização.

– Para cada ação específica, crie um prazo e um indicador que lhe permitirá mensurar se ela foi cumprida ou não.

– Siga o cronograma e efetue as ações planejadas. Se não houver disciplina na ação, nada feito – a ideia será apenas mais uma ideia sem ser colocada em prática.

– Agora, depois de ter aplicado as ações do cronograma, é hora de checar se elas foram efetivas. Investigue o efeito de cada uma delas, se elas cumpriram seus objetivos específicos ou não. Caso algo tenha saído fora do esperado, ou caso variáveis novas tenham surgido, repense e refaça o plano de ações com os devidos ajustes necessários.

– Repita esse método até que sua nova ideia esteja funcionando de acordo com suas expectativas, ou seja, conceba, planeje, execute, cheque e ajuste o quanto for necessário.

– Não desanime, não se sinta frustrado ou intimidado se, nas primeiras tentativas, não obtiver êxito imediato. Quanto maiores as dificuldades, maior será a superação alcançada no final.

estufa 4Lembre-se que boas ideias necessitam de um tempo considerável até que amadureçam e também de esforços sucessivos e continuados. Não há atalhos, e lembre-se que uma grande caminhada começa sempre com o primeiro passo. O único responsável pela construção dessa jornada é você mesmo.

Gustavo Mokusen.

Anúncios

Uma opinião sobre “Estimulando a criatividade”

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s